Cadeia produtiva da celulose

CapaSombra

Está disponível para download a pesquisa O Falso Verde, que faz um profundo
levantamento da cadeia produtiva da celulose fabricada no Espírito Santo e na
Bahia.

A pesquisa mostra que BNDES e Votorantim são os principais financiadores de
uma cadeia de valor ligada a 16 diferentes tipos de crimes, dentre eles fraudes
em licenciamentos ambientais, corrupção, invasão de terras e sistemáticas
violações aos direitos humanos.

A pesquisa, realizada pela Papel Social, é uma iniciativa do Instituto
Observatório Social. O trabalho foi coordenado pelo jornalista Marques Casara.
As fotos são de Tatiana Cardeal.

O Brasil detém a marca de maior produtor mundial de celulose branqueada,
tendo o BNDES como seu principal investidor. A pesquisa lança um alerta para
as falhas no critério de seleção de investimentos do banco, que nos últimos
dez anos investiu mais de R$ 10 bilhões em empresas de celulose, algumas
acusadas de lavagem de dinheiro e suborno de autoridades.

Clique na capa acima para ler a revista online.
Clique neste link: FALSO_VERDE se quiser fazer o download da revista.

_

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Comentários encerrados.

  • ▪ Contatos

    11 3798-1230
    contato@papelsocial.com
    -
    Rua João Ramalho, 136
    Perdizes, São Paulo - SP
    05008-000

  • Política de privacidade:

    A Papel Social Comunicação respeita a sua privacidade. Todas as informações pessoais que você fornecer para nós, incluindo nome, apelido, endereço, telefone e e-mail, não serão cedidas, vendidas ou alugadas a quaisquer organizações ou pessoas.
  • © 2013 Papel Social Comunicação.

    Todos os direitos reservados. All rights reserved.
    Para reprodução de trechos dos textos, artigos e fotos é preciso citar o autor e o nome da Papel Social. Para reprodução em outros sites, basta dar o crédito e o link da página original da qual foi retirada o texto e a imagem, porém as imagens não podem ser publicadas fora do contexto em que foram utilizadas neste site, ou separadas do texto original.

%d blogueiros gostam disto: